Concreto protendido ganha reconhecimento sustentável

Tempo de leitura: 1 minuto

Quem é da área sabe que o concreto protendido é o “pai” da tração, ou ao menos deveria saber, pois este é o motivo para o material ter garantido presença em projetos de arquitetura e engenharia e um espaço de destaque desde em pequenas obras de reforma até grandes empreendimentos imobiliários e industriais. Foi exatamente por isso, inclusive, que ele virou notícia na TEM Sustentável – revista online da construção.

O foco da TEM é divulgar Tecnologias, Empreendimentos e Materiais sustentáveis para uma sociedade que anseia por alternativas que tragam alto desempenho sustentável para suas práticas construtivas.

Mas o que torna o concreto protendido uma opção sustentável?

É o que você vai ver e entender na matéria publicada por eles, com patrocínio da AWA. O título do artigo já indica: redução de custos, materiais e tempo de obra. Só aí conseguimos tirar uma base dos benefícios para economia financeira e impactos no meio ambiente.

PRINCIPAL VANTAGEM:

Cerca de 35% de redução

do consumo de aço e

concreto para estruturas

Como executar protensão?

O engenheiro civil Carlos Alberto Ibiapina Filho explica que há três possíveis maneiras de se executar protensão:

  • Pós-tracionado aderente (com aderência posterior)
  • Pós-tracionado não aderente (cordoalhas engraxadas)
  • Pré-tracionado (fios aderentes)

 

Especialista no assunto, ele diferencia as modalidades e indica qual a ideal para obras residenciais, de grande porte e infraestrutura, como pontes, viadutos, passarelas, parques eólicos etc.

É bom que profissionais da área dominem detalhes como esses, afinal de contas, nem só de sustentabilidade são feitos os ganhos do concreto protendido. O sistema também garante peças com melhor desempenho estrutural, maiores densidades, controle de deformações, entre outras vantagens.

Leia na íntegra aqui e fique atualizado no assunto. Em caso de dúvidas, deixe um comentário ou entre em contato conosco, estamos dispostos a atendê-lo a qualquer momento e conversar sobre o uso de concreto protendido em suas obras.

6 Comentários

  1. Robson

    Muito interessante esse assunto! Gostaria de saber se para pequenas obras, ou reformas de casa é possível a utilização deste sistema também?
    Obrigado!

    Responder
    1. Awa Comercial

      Olá Robson, desculpe a demora na resposta.

      Você até pode usar sim, mas depende do que precisa…

      Por exemplo se for para utilizar cordoalha protendida com comprimento
      menor que 6m não compensa pois perde a maior parte da carga de protensão no encunhamento.

      Espero ter ajudado!

      Responder

  2. Muito boa postagem sobre o assunto!
    Fico agradecido por contribuir com o nosso mercado de trabalho!
    Show de bola!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *